segunda-feira, 9 de março de 2009

Cuide bem do seu amor...

O engraçado desse post de hoje que a bruxa está solta, quando se diz respeito a relacionamentos, algumas das minhas amigas, ou melhor, MUITAS das minhas amigas e amigos estão terminando o namoro assim um atrás do outro, efeito dominó, o que tem de engraçado nisso? É que foi depois do carnaval e não antes como geralmente é, que é pro garotão ou pra garotinha curtir seu carnaval sossegado.. Ai você pode dizer: - haa mas então foi traição! Acredito que até pelo perímetro da ilha e como os meios de comunicação estão difundidos por motivos de traição já teriam acabado durante o carnaval mesmo, mas nesse a bruxa que esta a solta acho que está brigando por motivos mais validos, alguns por confiança, outros por carinho, outros pro mais presença, por liberdade, outro por direitos básicos de atenção ou outros motivos até mesmo banais pra gente, mas para outra pessoa importante e digno de briga.

A verdade que isso é muito pessoal de cada relação, do que levou a começar e agora a terminar, a metas diferentes que ninguém quer abrir mão de muda-las pelo outro, por achar que isso não vale a pena ou que se ainda esta muito novo e tem muito que acontecer na vida. Sei que relacionamentos são pra ajudar, servir, crescer, modificar um ao outro, mudanças validas úteis e não só pra agradar a quem se esta do lado. Quando você já entra num relacionamento achando que ele(a) vai ser tudo que você imagina geralmente são os que começam já terminando, acredito muito nas etapas, de estágios e degraus a serem subidos um por um não importando o tempo que dure para isso, pois quando você olhar pra trás e ver o tempo que passou e você ainda esta com aquela pessoa, e bem, você vai ver que amor ainda vale a pena e vale passar por tudo que passou. Não sou do tipo que beija no primeiro encontro, pois tenho uma teoria de que quanto mais tempo demora a começar mais tempo vai durar (se for desejo dos dois). As etapas que falo é ser conhecido, depois amigo, depois paquera, depois namorico, depois namoro de colégio, depois namoro de porta, pra ai se tornar um namoro de dentro de casa dos pais, a final se for pra ser, eles serão os sogros. Mas quando se pulam etapa e mais tarde se descobre que aquela pessoa está faltando coisas que você acha básicas ai vai tudo por água a baixo.

Todo amor deveria ser amor mesmo, perfeito, mas quando a gente mesmo não acredita mais nisso ou acha que a vida tem mais o que dar do que viver tudo que for possível com alguém... A gente tem mais um caso, pra não ficar sozinho. Ainda acho que toda mulher tem amar combina mais com a mulher ai é que está, homem tem que servir pra alguma coisa. Dizem que homem sofre mais do que a mulher no fim de um relacionamento, até acredito, as mulheres passam por tanta coisa que se tornam mais fortes às vezes, mas até por isso seria mais um motivo pra dedicar amor a elas. Mas nós também merecemos a maioria das vezes somos estabanados, encurralados, frágeis, carentes e sofremos demais por amor. Uma mulher é capaz de viver só uma vida mas nunca vi um homem.

Todos nós querem tudo que nos supra e nos encha de felicidade, amor ainda é algo que vale se disponibilizar mais, ser mais flexível, buscar um pouco mais, deixa o depois pra depois, ser menos egoísta, ser mais companheiro, até engolir alguns sapos... mas só se os dois quiserem..

Tem uma propaganda sensacional que gostaria que vocês vissem, mas não é propaganda é a mensagem que é muito boa:





Pra finalizar:

Amor de Minerva

Amor que se cobra é negócio
Amor que se espera é ilusão
Misericórdia é amor de vai e volta,
Beijo que se esmola e medo da solidão

Amor que dura é diferente de paixão
É o que fixa com fé/adoração
Respeito, ternura e desejo
Muito mais que o corpo e tentação.

Amor de longe é nevoeiro
Que só se vê de perto e o vento leva
A cada pedaço de tempo que se espera

Amor que é bom é como Minerva
Que conserva, venera e defende
Com os ramos de oliveira plantados no coração.

Texto produzido por:
Marcelo Bonates

1 comentários:

Karol disse...

Meu amor de Minerva!
;*